12 de jan de 2010

Do poeta para os poetas


Um encontro inusitado, porém prazeroso aconteceu entre o Escritor Damião Cavalcanti e os membros da ABES que estavam participando da II Conferencia Estadual de Cultura realizada em Dezembro no município de Campina Grande. Até um mini Sarau foi improvisado. Na ocasião, o poeta e também Presidente do Conselho Estadual de Cultura e do IPHAEP (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado da Paraíba) fez a doação do Seu Livro de poesias "Ausência do Tempo".

O Livro de Poemas "Ausência do Tempo" pode ser encontrado na Biblioteca da ABES.

BANHO
Se eu fosse água,
Daria teu banho,
Dos pés à cabeça,
Da cabeça aos pés...

Entraria em ti toda,
Em todos espaços,
Hidratando o enxuto
Até o regaço...

Vestiria teu corpo
Com pele molhada,
Enxugaria teu dorso
Com a língua toalha...

.

5 comentários:

Anônimo disse...

Querida Mirtes, Muito me alegrou ler meu poema nessa página e ver-me ao lado da sua bela pessoa, poetisa e musa. Assim compreendo que em virtude da sua vida e covivência nessa cidade de imenso açude, há mais poesia do que água. Beijos, Damião Ramos Cavalcanti

Anônimo disse...

HÁ MAR EM BOQUEIRÃO

Teus olhos são como mar,
Dão-me alegria em vê-los.
Em vê-los ou velas,
Caminho sobre as ondas,
Miro o horizonte
De terras longíquas,
Da ilha onde te encontro,
Sozinha à minha espera.
E, em lá chegando,
Abandonarei a cara vela.

Damião Cavalcanti

Anônimo disse...

HÁ MAR EM BOQUEIRÃO
Damião Cavalcanti
Teus olhos
São como o mar,
Dão-me alegria
Em vê-los.
Em vê-los ou velas,
Caminho sobre as águas,
Miro o horizonte
Das terras longínquas,
Da ilha onde te encontro,
Sozinha à minha espera.
E, em lá chegando,
Abandonarei a cara vela.

www.drc.recantodasletras.com.br

Anônimo disse...

Versos que nos levam a navegar em Boqueirão...
C. Silva

Anônimo disse...

Onde estão as fotos e os comentários do recente e grande encontro de literatura em Boqueirão? Relate as conferências principais, assim serão socializados seus resultados.