1 de fev de 2012

Versos Escuros

Por Magna Vanuza Araújo


Escrevo versos no escuro.
Para mim os versos escritos no escuro são encantamento.
Guardo sobre a cabeceira uma caneta e um caderno,
Na visibilidade da pouca luz que entra pela janela,
em linhas certas,
escrevo meus poemas
tOrToS.



3 comentários:

Mirtes Waleska Sulpino disse...

Às vezes escrevo palavras em um rascunho imaginário e monto o meu cenário quando as luzes se apagam...

Magna Vanuza disse...

Hehe...

No dia seguinte o cenário se transforma e as palavras
se eternizam.
Tenho um caderno que de vez em quando tenho que traduzir o que nele escrevo, ai, resgato alguns versos do escuro.

Brigitte Scarlett disse...

Essa moça escreve como gente grande...Ela é grande!
Parabéns pelo trabalho de vocês!